Mercado de trabalho da Engenharia do Petróleo





http://portalmaritimo.files.wordpress.com/2010/10/petroleo.jpg

A Engenharia de Petróleo
  é a área da engenharia que atua no desenvolvimento de campos de prospecção, exploração e expansão de jazidas, transporte, refinamento, industrialização e atividades afins como processamento de gás natural.  Trata-se de uma formação recente no Brasil e que está em expansão em todo o mundo, pois a dependência da economia ao petróleo e a preocupação com os recursos energéticos contribuem para que se firme como uma profissão estratégica.

Cd de Engenharia do Petróleo

O atual mercado é amplo e sem fronteiras, dado os grandes investimentos na construção de pólos  petroquímicos e  refinarias; na modernização das refinarias já existentes no país e no exterior; na preparação de suas unidades para redução do teor de enxofre no óleo diesel; na construção de terminais de transferência de Gás Natural Liquefeito, no aumento da malha de dutos tanto terrestres quanto marítimos, além de muitos outros projetos em curso como a construção de plataformas tanto de perfuração quanto de operação, terminais de distribuição de petróleo e na expansão da malha dutoviária para transporte de hidrocarbonetos, no desenvolvimento de novas plantas de biocombustíveis (sob parcerias estabelecidas com empresas brasileiras), dentre muitos outros projetos constantemente anunciados que ratificam a já citada demanda por profissionais habilitados nestes segmentos da indústria de petróleo e gás, não somente para a sua fase de implantação, mas sobretudo, para a sua fase de operação.

Cd de Engenharia Mecânica

Cd de Engenharia Química


Os profissionais que atuam na indústria do petróleo e gás desenvolveram habilidades e conhecimentos oriundos de aperfeiçoamentos de estudos e práticas iniciados com as primeiras conquistas desta indústria. Exige uma constante atualização técnica, coragem e determinação para enfrentar riscos, como o de trabalhar em plataformas e os desafios no aprendizado e aplicação de novas tecnologias.



Comente:

Nenhum comentário