Regras para Primeiros Socorros




https://www.zaask.pt/blog/wp-content/uploads/primeiros-socorros.jpg

Somos confrontados com situações de pessoas gravemente feridas ou doentes que necessitam de atendimento imediato. Um simples gesto pode salvar vidas. Conheça algumas regras básicas de primeiros socorros.
– Não entre em pânico. A primeira das regras básicas de primeiros socorros é: antes de intervir, respire fundo e acalme-se. Mesmo que não saiba bem por onde deve começar. Se estiver minimamente calmo isso vai ajudá-lo a refletir sobre o que pode fazer.

– Avalie a situação. Caso veja que a pessoa lesada consegue falar, peça para ela contar o que aconteceu. Dê depois uma olhada em volta e veja se existem, por exemplo, fios expostos perto da pessoa ferida, fumos tóxicos, ou chamas. Uma das regras básicas de primeiros socorros é certificar-se de que não nos estamos a colocar em perigo, de que vale depois a nossa ajuda se ficarmos também feridos?

Nota: Se a vítima não consegue falar abra de imediato a boca e veja se existe algo a atrapalhar a respiração, como uma prótese dentária. Em situações extremas, não hesite em fazer respiração boca-a-boca.

– Preste atenção aos sintomas de choque. Se a vítima está pálida, fria, a respirar com dificuldade e com náuseas, é muito provável que esteja em estado de choque, podendo desmaiar a qualquer momento. Cubra de imediato a pessoa com um cobertor ou casacos e role suavemente o corpo dela para um dos lados, assim se vomitar, o vômito não se acumulará na parte de trás da garganta (o que pode causar asfixia).

Atenção: Tenha muito cuidado com os fluídos corporais, tome as devidas precauções para prevenir a transmissão de doenças contagiosas.

– Se não tem a certeza do que está a fazer, não mexa. Para mover uma pessoa ferida é preciso ter plena consciência dos movimentos a seguir, caso contrário poderá magoá-la ainda mais, ou até mesmo provocar a sua morte. Não se precipite também a retirar objetos como pregos ou facas. Se estiver sozinho a melhor opção é pedir auxílio.

– Nunca dê nada a uma pessoa inconsciente. É das mais importantes regras básicas de primeiros socorros. Nem comprimidos, nem líquidos, rigorosamente nada! Muitas pessoas pensam que a água ajuda uma pessoa inconsciente a acordar, mas esquecem-se que isso pode interferir com a respiração.

– Parar o sangue. Caso note que a pessoa está a sangrar muito coloque sobre a ferida um pano, ou até as suas mãos, de modo a que o fluxo diminua. Levante os membros levemente, isto se o movimento não provocar dor à vítima e abra as roupas apertadas.

– Tratar das queimaduras. Retire de imediato a roupa se estiver em chamas. Caso existam jóias retire-as também (se estiverem presas à pele, não mexa!). Posteriormente, sempre com muito cuidado e se possível, deite sobre a zona queimada água morna (lave durante cerca de dez minutos). Por fim, cubra com um pano limpo e seco, isso vai ajudar a aliviar as dores da vítima.

– Casos de asfixia. A pessoa consegue falar ou tossir? Está a receber ar suficiente? Se assim for não interfira. Caso contrário, coloque-se atrás da vítima e envolva os seus braços em torno do estômago. De seguida, faça um punho com uma das mãos e coloque esse mesmo punho um pouco acima do umbigo, precisamente abaixo das costelas. Posicione o lado do polegar e do indicador em direcção às mesmas. Por fim, segure o punho com a outra mão e provoque impulsos para dentro e ligeiramente para cima. Repita se for necessário.

– Choque eléctrico. Neste tipo de situações é expressamente proibido tocar na vítima até que o contacto eléctrico tenha terminado. Desligue de imediato a fonte de electricidade. Caso a pessoa não tenha pulso e não esteja a respirar procure imediatamente assistência médica.

– Espere. É a parte mais difícil de gerir. Depois de ter seguido as regras básicas de primeiros socorros só lhe resta esperar pela ambulância. Até lá, tente manter o acidentado o mais calmo possível. Converse com ele mantendo uma voz suave.


Comente:

Nenhum comentário